Rádio Vila Nova 98.3 FM - A Emissora da Comunidade 
#

Um crime chocou os moradores de Chapecó e toda a região nesta quarta-feira, dia 6 de novembro. Isso porque Michael Ribeiro Lopes de Gois, de 32 anos, matou a esposa Eliane Mayeski de Gois, de 28 anos; e a filha Elisa Mayeski de Gois, de três; e tirou a própria vida em seguida. O caso aconteceu no apartamento da família no início da manhã e foi descoberto nas proximidades do meio dia.

Vizinhos chegaram a ouvir disparos de tiros por volta das 6h, mas ignoraram o som e acionaram a polícia por volta das 11h, quando perceberam que o carro estava na garagem e que não havia movimentação no apartamento da família. Um chaveiro precisou ser chamado para abrir a porta do local. No momento em que a polícia entrou, encontrou a mulher no quarto do casal com ferimento no peito. A criança foi localizada no berço, com ferimento nas costas. Já o homem foi encontrado ao lado da cama da filha, com marca de tiro na cabeça. Um revólver calibre 38 estava ao seu lado.

Segundo informações da polícia, o duplo homicídio e o posterior suicídio podem ter sido ocasionados por depressão. Isso porque foi encontrada uma carta de despedida nos pertences da família. No papel branco escrito à caneta azul, frases como “minha passagem na terra foi até aqui”, “não consigo mais oferecer a condição de felicidade para elas” e “vamos continuar, em outra vida, vivendo e olhando por vocês” preenchem todo o espaço vazio.

Jornal Cruzeiro do Vale 07/11/2019