Rádio Vila Nova 98.3 FM - A Emissora da Comunidade 
#

A Rodovia Jorge Lacerda se aproximava do recorde de 390 dias consecutivos sem acidentes fatais quando, na noite desta quarta-feira, 10 de maio, uma pessoa perdeu a vida após se envolver em uma grave colisão. Por volta das 21h30, um veículo Strada, de Itajaí; e uma motocicleta, de Ilhota, colidiram e os 298 dias sem mortes na rodovia foram, mais uma vez, zerados.

O acidente que tirou a vida do motociclista Alvacir Paiano, de 50 anos, aconteceu no Centro de Ilhota, nas proximidades da Ponte de Ilhota. Segundo informações de testemunhas, a motocicleta seguia sentido Itajaí e o veículo vinha logo atrás. Foi quando, em determinado momento, o motociclista cruzou a via sem ir para o acostamento para entrar em sua casa.

O veículo Strada era dirigido por Francisco Deujanio, de 24 anos, que conta como o acidente aconteceu. “Eu estava voltando de Blumenau e entrei em Ilhota pela ponte, para cortar caminho para ir para Itajaí. O motociclista não deu seta e atravessou a rodovia direto”, relata. Francisco estava no carro com um colega de trabalho, que teve pequenos cortes no braço por conta dos estilhaços do parabrisa, que ficou destruído com o impacto do acidente. O motorista não se feriu.

Com o impacto do acidente, a vítima foi arrastada por cerca de 50 metros. O homem faleceu no local do acidente.

A vítima

O acidente que tirou a vida de Alvacir Paiano aconteceu em frente a sua residência. Conforme relato de vizinhos, Alvacir teria saído de casa para comprar um lanche para a família e, no momento do acidente, estava retornando para casa com o jantar. Ele deixa dois filhos.

A ocorrência foi atendida pelo Corpo de Bombeiros Voluntários de Ilhota e pela Polícia Rodoviária. O Instituto Geral de Perícias também esteve no local e conduziu o corpo de Alvacir para o Instituto Médico Legal de Blumenau.

Jornal Cruzeiro do Vale 11/05/2017