Rádio Vila Nova 98.3 FM - A Emissora da Comunidade 
#

Um acidente de trabalho fez duas vítimas fatais, de 20 e 29 anos, e deixou uma terceira pessoa em estado grave por volta das 11h desta segunda-feira em Laguna, no Sul do Estado. As vítimas estava fazendo limpeza e caíram dentro de um poço onde ficam armazenados resíduos de peixes, utilizados para a produção de óleo e de farinha para ração animal na empresa Agroforte. O homem que conseguiu ser resgatado pelos bombeiros tem 23 anos e está internado na UTI do Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão.

De acordo com o tenente Marcos Leandro Marques, comandante do Corpo de Bombeiros Militares de Laguna, o local onde os homens caíram tem cerca de dois metros quadrados e cinco metros de profundidade, o que dificultou o trabalho de resgate. O homem que foi levado ao hospital conseguiu ficar na parte superior do tanque, mas os outros dois corpos afundaram.

— São restos de peixe, resíduos, material em decomposição, bastante viscoso, o que acabou dificultando o resgate. Os gases liberados desse material, metano, sulfato, entre outros, não deixam o oxigênio entrar no espaço, o que pode ter feito com que eles perdessem a consciência e caíssem — explica o tenente.

A diretoria da Agroforte ainda não se manifestou oficialmente sobre o ocorrido, mas o advogado Roberto de Bem Ramos disse que o momento é de acolher as famílias e lamentar o ocorrido. Segundo ele, os diretores da empresa estão profundamente abalados com o episódio e ofereceram toda assistência necessária aos familiares. Ele afirma que os trabalhadores tinham todo equipamento de segurança à disposição e utilizavam máscaras para trabalhar no local.

Encaminhado à UTI

Assim que foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros de Laguna, o homem de 23 anos foi encaminhado ao Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus Passos, na mesma cidade. Porém, como ele estava entubado e em estado grave, a instituição decidiu transferi-lo, pois não possui UTI. Ele foi levado ao Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, e até às 17h30min desta segunda-feira o quadro era instável.

Cinco acidentes na região

Esse é o quinto acidente de trabalho nos últimos dias na região Sul do Estado. Em Turvo, um homem caiu no fosso do elevador de uma empresa, e em Içara, um motorista morreu no incêndio de um depósito de móveis. No final de semana, um pescador não resistiu ao ser atingido por um cabo de aço, e hoje pela manhã, mais duas pessoas perderam a vida neste acidente. 

Segundo o chefe do setor de Fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) de Criciúma, Francisco de Assis, um relatório sobre os acidente na região foi encaminhado na tarde de hoje à superintendência do MTE em Florianópolis. Ele explica que não há pessoas suficientes para trabalhar na inspeção das empresas, e por isso os casos serão remetido ao setor de instigação e fiscalização de acidentes de trabalho.

Jornal Diário Catarinense 16/05/2017